Girafales, a Netflix para concurseiros

A Falta de tempo e o custo de procurar um curso na área atrapalham as pessoas que foca em concursos para tentar mudar de vida. Pensando, nisso três cearenses resolveram criar o Girafales, um site que o estudante se cadastra, paga uma taxa mensal e tem acesso a conteúdos abordados nos concursos.

O projeto nasceu em março deste ano, mas já está em uma grande crescente no número de usuários. Os responsáveis são: o professor Thiago Pacífico, o desenvolvedor Wedson Lima e o gerente de projetos Cleber Sena. “O Girafales nasceu a partir de uma necessidade, já que se preparar para concurso é muito caro e queremos fornecer uma alternativa barata, visando democratizar o acesso à educação e com qualidade”, explica Cleber Sena.

Para se cadastrar é muito simples. O aluno paga uma assinatura mensal de R$ 24, 90 e tem direito a acessar todos os conteúdos lançados pelos professores da rede. “Qualquer curso que tenha disponível no Girafales e todos os professores que estão na rede podem ser acessados pelo estudante pagando apenas um único valor mensal”, reitera.

A plataforma também disponibiliza aos usuários um aplicativo beta para dispositivos iOS (iPhone) na App Store. Ele pretendem em breve disponibilizar um aplicativo para Android, já para o Windows Phone ainda não tem uma previsão.

Cerca de 15 professores estão integrados ao projeto e divulgam as aulas em vídeo no canal. Eles se dividem em conteúdos como: Raciocínio Lógico, Administração e Atendimento, Português, Conhecimentos Bancários, Legislação Previdenciária, Direito Previdenciário, Direito Constitucional, entre outros.

Mas, apesar da grande variedade de cursos, eles pretendem brevemente expandir ainda mais esse mercado da educação. “Queremos expandir no futuro para cursos profissionalizantes e também para o Enem”, finalizou.

Veja o vídeo de apresentação do Girafales: