Resolvendo a lentidão dos Navegadores

constantemente todos os browsers acabam perdendo velocidade após o usuário abrir algumas abas e usá-las por um tempo. E se existe algo que irrita qualquer um, é um navegador lento. Como parar isso? Pois bem, agora você confere algumas dicas que podem ajudá-lo.

Desinstalar extensões desnecessárias
Independentemente do browser que você utilize, existem algumas extensões rodando nele que você manteve após as atualizações do navegador e que não são mais necessárias. A Mozilla Foundation acredita fielmente que extensões antigas são a causa de algumas experiências complicadas com o Firefox, e por isso criou um página para detectar plugins que não atualizaram seu código para novas versões. As extensões do Chrome também não fogem à regra, e elas geralmente também são culpadas em casos de lentidão.

Pelo menos a solução é simples. Basta dar uma boa olhada nas extensões instaladas e desinstalar aquelas que você não precisa mais. Além disso, confira se não existem novas extensões que possuem funções semelhantes àquelas antigas que não são atualizadas há algum tempo.

Desinstalar/Reinstalar o Flash e o Java
O Adobe Flash é algo necessário para diversos sites, mas se por algum motivo você pode desinstalá-lo inteiramente e navegar sem ele, a experiência será muito mais tranquila. Entretanto, se você não quer viver em um mundo sem o Flash, tente desinstalá-lo completamente e depois reinstalar a versão mais recente. Assim, você tará o benefício de possuir a última versão, assim como as atualizações de segurança mais recentes.

A mesma coisa vale para o Java. Infelizmente não é tão óbvio quando você precisa dele e quando não, então é mais difícil habilitá-lo quando quiser e desabilitá-lo em qualquer outro momento, mas o Java é conhecido por deixar cópias sobrando no seu Mac ou PC, sendo atualizado constantemente sem remover as antigas versões ou arquivos, diminuindo a velocidade do sistema quando este está sendo muito utilizado. Pelo menos considere o uso de um programa como o JavaRa para remover versões antigas e fazer uma limpeza no que ficar para trás.

Deletar Histórico/Cache/Dados Pessoais
Apesar de ser uma dica antiga, ainda é bastante válida. Não há nenhum substituto para apenas limpar o cache e todos os dados que estão impedindo o seu navegador de acelerar. Além disso, se você NUNCA limpou esses dados, essa é uma boa hora para fazê-lo.

No Firefox, os dados podem ser apagados no menu, em Opções (Windows) ou Preferências (Mac OS). Clique na aba Privacidade para limpar seu histórico recente, cookies ou outros dados de navegação. Ainda no Firefox você pode salvar o histórico por apenas um dia em vez de uma semana ou um mês. No Google Chrome, clique no ícone de chave na barra de ferramentas e abra o menu de Opções (Windows) ou de Preferências (Mac OS), clique em configurações avançadas e limpe os dados pessoais.

Alterar os servidores DNS
DNS é como a lista telefônica da internet, traduzindo os endereços web e URLs que você digita na barra em endereços IP dos servidores onde estão os sites que você quer. Se você é como a maioria das pessoas, os servidores DNS são escolhidos automaticamente quando você acessa a internet. Mas eles podem não ser tão rápidos quanto o do Google ou o OpenDNS.

O plugin Namebench permite que você compare todos os serviços DNS que desejar. Ao instalá-lo e utilizá-lo, você pode ver os servidores DNS aos quais está conectado, e quais são os mais suscetíveis à sua localidade. O serviço ainda indicará como você deve configurá-los no seu sistema.

Utilizar diversos navegadores
Se todos os itens acima falharem, considere utilizar diversos navegadores para diferentes tarefas. Se você gosta do seu Firefox e suas extensões e quer continuar usando-o, mas o Flash de vídeos para de funcionar frequentemente nele, utilize o Chrome para suas necessidades em Flash e o Firefox para outras tarefas. Além disso, instale o Opera ou o Safari para um pouco de variedade, e tente novas opções. O que não faltam no mercado são candidatos!